Tel: (21) 2236-5023

Tel: (21) 99464-3368 whatsapp

Quarta, 14 Agosto 2019 12:00

Clareamento dental, como funciona o procedimento?

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Pegasus Web Sulution
Avalie este item
(0 votos)

O clareamento dental é um dos procedimentos de saúde bucal cada vez mais procurados, afinal, quem não quer ficar com os dentes com uma aparência limpa e branquinha? Apesar de ser um procedimento simples, ele exige uma série de cuidados para que não surjam problemas, como acompanhamento profissional, mesmo na sua versão caseira.

O que é clareamento dental?

É a técnica que utiliza agentes clareadores para recuperar a cor original dos dentes, perdida em algum momento durante a vida em decorrência de diferentes fatores, ou promover o clareamento dos dentes originalmente escurecidos. Esse procedimento estético é realizado pelo cirurgião-dentista, o qual aplica um produto sobre os dentes que clareia a coloração dos mesmos.

Como funciona o clareamento dental profissional?

O gel clareador tem uma formulação ácida que pode ser feita tanto com o peróxido de hidrogênio quanto com o de carbamida, em concentrações variadas. Esse gel entra em contato com a superfície do dente e é ativado por um processo químico, de modo a liberar oxigênio. Com isso, o oxigênio livre quebra as partículas de pigmento que deixam o dente amarelado. 
As moléculas permitem que o dente tenha uma reflexão de luz maior, de modo a se mostrar mais claro.

Como clarear os dentes?

Há duas formas, a primeira é a caseira, em que, como o próprio nome diz, o paciente aplica o produto em casa sob orientação do dentista. Também há o clareamento dental a laser, que é realizado em consultório e consiste na colocação de uma substância nos dentes do pacientes e na aplicação de laser.

Como se trata de um processo de clareamento, é normal que os dentes não fiquem totalmente brancos após o método. Isso é explicado pelo fato de cada pessoa possuir um tom específico, o qual é determinado pela espessura do esmalte que cobre a dentina, que é amarela.

Além disso, como o clareamento dental age nos minerais presentes no esmalte, quanto mais mineralizado forem os dentes, mais branco será o resultado. Já a dificuldade de saturação do esmalte faz com que ele fique menos branco.

Qual método escolher?

Antes de tudo é necessário realizar uma avaliação antes do procedimento para observar se existem contraindicações, como raízes expostas.

Ambos os métodos de clareamento dental são eficazes, mas a escolha varia de paciente para paciente. Atualmente, grande parte dos dentistas recomenda que, para obter melhores resultados, o paciente use os dois conjuntamente o caseiro e o profissional.

Contraindicação

Apesar de o clareamento dental ser uma técnica muito utilizada, nem todas as pessoas podem fazê-lo. Por isso, é necessário procurar um profissional que fará a avaliação de cada caso.

As contraindicações do clareamento dental incluem:

  • Gestantes e lactantes
  • Pessoas com sensibilidade dentária ou irritação gengival
  • Pacientes que fizeram quimioterapia e/ou radioterapia há pouco tempo
  • Pessoas com muitas restaurações nos dentes
  • Menores de 18 anos

Cuidados após clareamento dental

Para obter um bom resultado e mantê-lo após o clareamento, são necessários alguns cuidados básicos. Veja quais:

Alimentação

É importante evitar alimentos que tenham uma alta taxa de acidez, já que pode haver aumento de sensibilidade após o procedimento, como frutas cítricas e temperos mais fortes. Alimentos coloridos ou bebidas com corantes também devem ser evitados, como vinho tinto, cenoura, beterraba, café, chá mate e chocolate. Os cuidados com esses produtos que causam manchas são importantes para evitar as marcas indesejáveis nos dentes. Deve-se evitar também o consumo de sucos ácidos e refrigerantes, pois podem aumentar a sensibilidade dos dentes.

Higiene

É fundamental seguir a indicação do dentista quanto a higienização bucal e os produtos que podem ser usados após o tratamento. Além disso, não se deve escovar os dentes após consumir alimentos ácidos ou com corante, mas esperar de 20 a 30 minutos, que é o tempo suficiente para neutralizar o pH bucal e evitar erosão dentária.

Mudança de hábitos

Hábitos que prejudicam a qualidade dos dentes devem ser deixados de lado, tais como tabaco, consumo de bebidas alcoólicas e uso de batons com cores fortes, principalmente depois de realizar o clareamento dental.

Receitas caseiras para clarear dentes: vale a pena?

Algumas receitas caseiras como limão, bicarbonato de sódio e casca de laranja, até podem remover as manchas dos dentes, mas também desgastam o esmalte, sendo expressamente contraindicadas. Por isso, é importante seguir apenas as recomendações de um especialista: só ele pode orientar se é mesmo preciso fazer o clareamento dental, qual o tipo mais indicado e qual grau de branqueamento você pode conseguir.

Ler 183 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Matérias e Artigos

Gostou Curta!