Tel: (21) 2236-5023

Tel: (21) 99464-3368 whatsapp

Terça, 15 Março 2016 16:19

Periodontite Juvenil

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Pegasus Web Sulution
Avalie este item
(0 votos)

A Periodontite Juvenil faz parte de um grupo de doenças periodontais severas que aparecem no início da puberdade, localizada em adolescentes e adultos jovens, e caracterizada pela destruição do periodonto de sustentação.

Trata-se de uma doença crônica inflamatória, onde ocorre grande destruição óssea. Pode ser classificada de duas formas: localizada e generalizada. Na localizada, afeta os primeiros molares e/ou incisivos permanentes e a destruição das lesões normalmente é simétrica. Na manifestação generalizada outros dentes são afetados, além dos molares e incisivos.

É considerada uma entidade clínica específica, rara em crianças e adolescentes. Caracteriza-se pela perda precoce de osso alveolar, rapidamente progressiva, com predileção pela dentição permanente. Sua etiologia parece estar ligada à resposta imunológica mais intensa, presença de Actinobacillus actinomycetemcomitans e, ainda, ao fator hereditário.

No tipo de periodontite localizada, caracteriza-se pela rápida perda óssea vertical, podendo afetar, preferencialmente, os incisivos e primeiros molares permanentes de adolescentes (entre 10 e 19 anos), aparentemente saudáveis.

Ao exame clínico, pode-se observar sangramento à sondagem e presença de placa bacteriana na superfície radicular no local onde a bolsa periodontal está sendo formada. Com a evolução da doença, os sinais clínicos (mobilidade, edema, sangramento, envolvimento de furcas e exsudato) podem se tornar mais evidentes.

Normalmente, os casos generalizados estão associados à alguma síndrome, doenças sistêmicas e às doenças de envolvimento somático. Apresentam inflamação, um padrão de destruição óssea difuso, afetando a maioria dos dentes e acúmulo de placa e cálculo.

A periodontite juvenil, no entanto, tem características próprias e seus sintomas são um pouco diferentes:

Periodontite juvenil localizada

  • Idade: entre 11 e 13 anos
  • Afeta incisivos e os primeiros molares.
  • Pouca placa bacteriana e gengiva de aparência saudável.
  • Perda óssea em forma de arco nos dentes afetados.

Periodontite juvenil generalizada

  • Idade: entre a puberdade e os 30 anos
  • Afeta a maioria dos dentes, não apresentando um padrão.
  • Pouca placa bacteriana.
  • Perda óssea em formato angular.
  • Para ambos os casos, a progressão da doença é rápida e, em estágio avançado, pode causar dor e formar abcessos (formação de pus na raiz dentária). É uma doença de caráter hereditário, e afeta principalmente as mulheres.

Tratamento

Terapia local: é feita uma raspagem para descontaminar a região atingida.
É receitada medicação antibacteriana.

Ler 1755 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Matérias e Artigos

Gostou Curta!