Sexta, 19 Agosto 2016 09:44

Diastemas e as Opções de Tratamento

Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Pegasus Web Sulution
Avalie este item
(0 votos)

Para alguns, o diastema pode ser um charme – Madonna, Brigitte Bardot, Georgia Jagger são algumas famosas que o apresentam e não se importam com isso. Para outros, um problema estético grave.

Você já deve ter observado que algumas pessoas possuem um espaço entre os dentes – normalmente nos dois dentes frontais da parte superior do maxilar. Pois esse espaço entre os dentes tem nome, e se chama diastema.

Se você está nesse último grupo, que considera esse espaço entre os dentes um problema estético e quer corrigi-lo, saiba que atualmente já existem alguns tratamentos para lidar com essa condição. Além disso, os odontólogos afirmam que a correção do diastema é importante para a boa saúde bucal, já que ele causa perda gengival em maior grau na região em que ocorre, e isso pode resultar na chamada retração gengival.

Independente da motivação, saiba que se você quiser, é possível tratá-lo. Quer conhecer um pouco mais sobre as opções de tratamento?

Que é um diastema e como tratá-lo?

O “diastema” é uma área de espaço extra entre dois ou mais dentes. É mais frequentemente observado nos dois dentes frontais da arcada superior. Muitas crianças tem diastema como resultado da queda dos dentes de leite, mas, na maior parte dos casos, os espaços se fecham quando os dentes permanentes nascem.

O diastema pode ser causado pela diferença de tamanho dos dentes, pela falta de dente ou anormalidade do freio labial, que é o tecido que se estende do lábio à gengiva até o ponto em que se localizam os dois dentes frontais superiores. As causas secundárias do diastema envolvem problemas de alinhamento bucal, como o grau de overjet ou protrusão dentária.1

Quais as opções de tratamento?

  • Manter o diastema.
  • Iniciar um tratamento ortodôntico que movimente os dentes e feche o diastema.
  • Usar próteses de porcelana (porcelana cimentada no lado externo dos dentes)
  • Fazer um trabalho de prótese fixa ou substituição dos dentes por implantes (adultos somente).

Se seu freio labial for de tamanho anormal, você pode consultar um periodontista e considerar a possibilidade de passar por um procedimento cirúrgico chamado frenectomia. Trata-se de um procedimento que envolve o corte e reposicionamento do freio labial para permitir maior flexibilidade. Na criança, a frenectomia pode fazer com que o espaço se feche por si mesmo. Nos adolescentes e adultos, a eliminação do espaço pode exigir o uso de aparelho.

Ler 2300 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Matérias e Artigos

Gostou Curta!